Páginas

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Tentando existir




Seus olhos me são mares e rios
Em um mundo, onde espelhos, não há

Seus olhos me dão calafrios
Mas é onde posso me enxergar

Assim, peço que me olhe, me veja, me enxergue
É o teu olhar que me sustenta, e a minha alma ergue

E se acontece de não me olhar, ou de me olhar e não me ver,
Me perco no mar de seus olhos, me afogo em não saber

Porque tenho notícias de mim por teu reflexo
Preciso existir, não tenho nexo.




*Imagem: Deviantart

41 comentários:

Paulo Becare Henrique disse...

Uau, suas poesias sempre tão lacano-clariceanas me deixam sem fôlego!

Paulo Becare Henrique disse...

Ah, esqueci de comentar algo: a imagem é lindamente impactante!

Vanessa Souza Moraes disse...

Essa chatice da gente só se enxergar no olhar do Outro...
Cansaço de gentes, hoje, credo, rs.

Belas frases, Alicia :)

Lívia Azzi disse...

Fiquei sufocada por tua poesia incrivelmente bela!

Precisamos do olhar do outro para não nos perdermos em nosso próprio olhar...

;-)

*Erika Rayana! disse...

ownn adorei seu blog..
estou seguindo ta.
passa no meu tbm........

um bjo grande

O que Cintila em Mim disse...

As tuas palavras me chamam, diz que a vida é estranha...digo que elas trazem consolo.

Í.ta** disse...

às vezes a gente existe no reflexo do outro.

bom poema.

bjs

Bergilde Croce disse...

Conhecendo e já acompanhando pra não perder esse blog entre tantos da rede.Parabéns pelos registros e sensibilidade como os propõe aqui.
Abraços da Itália,
Bergilde

Orquídea de Pêlo disse...

a gente precisa ser visto
pro amor ser olhado
bonito
ali&
cia

Ph disse...

ótimo.
porque muitas vezes só podemos nos enxergar através de um outro, ou nos compreendermos de forma melhor.
às vezes só podemos saber que existimos através de impressões de outros.
abraço!

Assis Freitas disse...

o outro que olha constrói um novo eu,

bj

dear sarah disse...

Mesmo sendo sem nexo, já está a existir, pois está sendo vocÊ!

lindo

Eider Fabrizio disse...

É o olhar que mesmo quando controverso, faz os versos parecerem mais dissonantes.

Aquele olhar que te deixa perplexo ao supor que nao é mais como era antes.

É o olhar provido de toda a atenção necessária, ainda que seja o intervalo do piscar.

Az.) disse...

excelentes palavras, bem escolhidas. Adorei ;*

Felicidade Clandestina disse...

"os meus olhos te querem tanto que choram..."

Long Haired Lady disse...

"teus olhos devem ter problemas pra me ver..."

verônica disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Verô. disse...

Parece clichê já, mas...

"os olhos são o espelho da alma".
SIM! :)

Osvaldo Batista de Mello Netto disse...

Ou seja, sem seus olhos sou em solidão.

Arthur G.A. disse...

A foto parece o filme "O Chamado".

Andressa disse...

http://www.youtube.com/watch?v=tNe3HqZiyyw

Camila Márcia disse...

Acho que devemos nos olhar e ver o que realmente somos sem necessitar que os outros nos digam quem somos. Quem melhor do que nós mesmo para nos reconhecer? Os outros só enxergam aquilo que queremos mostrar para eles... as vezes maquiamos demais nossa existência.

Ana Carolina Vingert disse...

Hoje eu precisava nadar em um certo ar de olhos azuis, e a sua poesia me aproximou desse caminho.

Obrigada.

Anônimo disse...

achei bonito o apito da usina,
achei bonito o telefone tocar,
achei bonito o trem correr na linha, meu bem
achei bonito o avião parar no ar...


o poema parece letra de música
achei bonito

n.

Fernanda Hauptmann disse...

O poema mais bonito que eu li hoje.

Tati Lemos disse...

aaah lindo, entre olhares, todos nos sentimos amados!

Beijos querida!

Etiene disse...

Preciso existir, não tenho nexo.

pura verdade

Gisele Braga disse...

Linda poesia, querida!
As vezes pra se sentir
vivo, quem sabe importante
é preciso se perceber no
olhar do outro, e isso
nos toca profundamente!

Beijos flor!
Tenha um
Fds abençoado!

Lia Araújo disse...

Lembro de olhos capazes de me fazer gelar a alma... eles ainda me doem...

beijos querida....

sigo aqui...
1 mês de blog? parabéns.

Fred Caju disse...

Bom de mais, moça!
Dá vontade de reler várias vezes.

Abraços,
Caju.

Jasanf Araujo disse...

Belo texto cheio de metáforas bem concatenadas e construídas.
http://lectandome.blogspot.com

Morena disse...

Achei tão intenso!

Amei demais!

Beijos, flor!

Bruna Zumbia disse...

Fiquei com medo da imagem HUAHSUHAUS
Adoro seu blog, é você que escreve tudo?
beijos

Sandra Botelho disse...

Nos olhos de quem amamos nossa imagem parece eterna.
Bjos achocolatados

Betha Mendes disse...

Um belo olhar poético, o de existir no outro!

bj

Betha

Gosta/Cabelo disse...

lindo poema... eu estava me sentindo solitário e agora q li não estou nada melhor gwuhauhua xD obrigado o/

a imagem me deu calafrios. apesar de ser só uma imagem, não consegui olhar pra ela por mto tempo

Não visitem nosso Blog Musical:
http://alvoradadosom.blogspot.com/

Annie disse...

Onde buscar o nexo de nossa existência?

beijoooos

Andressa disse...

"Não quero dormir sem teus olhos.
Não quero ser... sem que me olhes.
Abro mão da primavera para que continues me olhando."
(Pablo Neruda)

Andressa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marinha disse...

Belo texto!
Apesar de não gostar muito da sensação de existir só a partir do olhar do outro.
Bjo e sorrisos na tua semana.

ANA ROOS disse...

Quanta controvérsia!

Só existimos a partir do outro... Não que não sejamos nada sem um amor, mas só numa ilha você existe? Conversa com si mesmo, escuta, tem novas idéias, novos conhecimentos, compartilha, sente novos sentimentos, cada um que passa em nossa vida nos revela um eu diferente, por isso é bom estar com as pessoas, para que depois sozinho você esteja cheia de outros eus... pode até pensar que são suas idéias, mas pode ter certeza que há milhões de anos pessoas vem tendo as mesmas idéias! Somos seres humanos e o que nos leva a evolução é o convívio com os diferntes, com outra pessoas além de nós!
Assim eu acredito... Mas você não precisa acreditar no mesmo que eu... só se quiser...
Alícia! Desnude sua alma repleta de outros eus sem medo do que possam dizer-te... bjus no coração