Páginas

sábado, 29 de dezembro de 2012

É grave, doutor?


Há quem sofra muito, e por isso escreve. 
Eu escrevo, por isso sofro.


8 comentários:

Nati disse...

Escrever é a melhor coisa que fazemos. Sofremos em palavras, sílabas e parágrafos. Não tem nada melhor pra quem descobriu o quanto é bom. Beijos

Camila Vieira disse...

Belas e intensas palavras,escrever pra mim é um refúgio e adoro me derramar em palavras.
Um beijo grande e um ótimo 2013!

http://coragensabsurdass.blogspot.com.br/

Evanir disse...

Pai, abençoe os que neste dia te agradeceram a vida,
pois os que sabem agradecer estão prontos para a alegria.
Pai, abençoa os apressados,
pois ainda precisam aprender a controlar o tempo.
Pai, abençoa os que levam a alegria por onde vão,
porque são emissários da luz, e o mundo precisa de luz.
Por fim, Pai, meu Pai, ensina-nos a crer na mensagem do seu Filho mais amado,
a amar ao nosso próximo como á nós mesmos.
A poucas horas do final de mais um ano
rendemos graças ao Pai por mais um ano vivido.
E oremos rogando a nosso Pai pelo novo ano que vai nascer
saúde paz amor união e acima de tudo fé no Criador.
Um feliz e abençoado Ano Novo.
Obrigada pelo carinho em 2012 que venha 2013
na presença de Deus.
Beijos no coração carinhos na alma,Evanir..

Homem disse...

Olá,
Escrever é um vicio que acho que quem entra assim é dificil sair. Digo na poesia/texto e não em um diário.
Estou sofrendo abstinecia de tanto não escrever.
Homem de 2indice

Ivan Monma disse...

Assim como no "xote das meninas", não há um só remédio em toda medicina.

Dani Lusa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dani Lusa disse...

E doer-se nas palavras cada vez que (re)lê o que escreve.

Escrever dói e ameniza a dor, ao mesmo tempo. Eu escrevo porque me doo e preciso me amenizar.

Lindo, Alicia!

Aliny P. Freitas disse...

Perfeito!