Páginas

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Uma puta, outra santa


Profissional do sexo. Puta. Vagabunda. Prostituta. Pelo menos eu recebo pra isso, benhê, e você que fica chupando de graça? Dizia para a amiga, enquanto tomavam um café colonial bancado pelo dinheiro que o sexo lhes trazia. Eram amigas de infância. Estudaram em colégio particular, fizeram aula de jazz, inglês e piano. Tudo juntas, durante anos.


(...)




O texto completo tá lá no 4 pecados.

3 comentários:

Flá Costa * disse...

uau, que bapho! rs

Alice Aguiar disse...

LOL

Lívia Azzi disse...

Muito bom! Usou as palavras sem frescuras, de um jeito dinâmico e inteligente.

:-)